Lesão da fibrocartilagem triangular: o que é?

 

A fibrocartilagem triangular é um complexo de estruturas que fica situado no punho. Ela apresenta grande importância para a mobilidade completa das mãos e dos punhos principalmente no sentido da mobilidade rotacional, estabilizando as articulações e absorvendo impactos.

 

As causas da lesão da fibrocartilagem triangular

Na verdade, qualquer tipo de lesão por impacto ou principalmente entorses nos punhos podem gerar lesões agudas da fibrocartilagem triangular.

Além destas, as lesões podem se dar por repetições de estresse da região, como esportes que utilizem o punho com movimentos rotatórios, ou determinadas atividades laborativas.

Veja também: Lesões no esporte – como acontece a fratura do boxeador?

 

Sintomas da lesão da fibrocartilagem triangular

Um dos principais sintomas é a dor, provocada pelo estiramento da fibrocartilagem triangular, principalmente na borda ulnar do punho (região que se encontra no prolongamento da borda do dedo mínimo). Mas, dependendo da gravidade da lesão, poderão surgir outros sintomas como limitação do movimento do punho, inchaços e fraqueza para execução de alguns movimentos.

 

Como tratar a lesão da fibrocartilagem triangular?

O tratamento desta lesão visa aliviar a dor e garantir o reequilíbrio das funções do punho. E isso dependerá do estado em que a articulação estará e a extensão da lesão.

Uma das melhores opções é o tratamento conservador, sem a necessidade de cirurgia, que conta com métodos mais simples. Reabilitação com fisioterapia ou terapia ocupacional, associada a acupuntura e imobilizações (órteses) fazem parte do primeiro estágio.

O uso de anti-inflamatórios e analgésicos será indicado pelo próprio médico, portanto: nada de se automedicar!

A infiltração local, uma injeção de cortisona aplicada para reduzir as dores e o inchaço, segue como uma opção secundária nessa linha de tratamento, com boas respostas.

Em casos de gravidade mais acentuada da lesão ou eventuais falhas do tratamento mais simples, o tratamento deverá ser feito por cirurgia. A mais utilizada é a artroscopia, procedimento pouco invasivo, considerado inovador, mas com resultados muito consistentes.

dr fernando moya assinatura

Por Dr. Fernando Moya.

CRM 112046

Formado em medicina pela Universidade de São Paulo (USP), com residência em Ortopedia e Traumatologia, pelo instituto de Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da FMUSP. Especialização em cirurgia da mão e microcirurgia também pelo Hospital da FMUSP.

faixa-dr fernando moya-300x2

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco

Share This
WhatsApp Agende sua consulta