Início » Os tipos de fraturas de metacarpo


A imagem mostra o Dr. Fernando Moya olhando para a câmera, sorrindo e de braços cruzados.Dr. Fernando Munhoz Moya
 GoogleMyCitations 
CRM: 112.046
Atualizado em: 21/08/2020 por Dr. Fernando Moya

Os tipos de fraturas de metacarpo

A mão humana é composta por cinco metacarpos. Quando um deles sofre um trauma na mão, pode ocorrer uma fratura de metacarpo, conhecida por ser uma lesão óssea que, dependendo da sua característica, pode ser tratada de uma forma mais simples ou pode, em outras vezes necessitar de um tratamento cirúrgico.

As fraturas de metacarpo podem ocorrer em pessoas de todas as idades, sendo os jovens os mais propensos. Existem vários tipos de fraturas do metacarpo, incluindo algumas bem específicas, que abordaremos neste post. Continue nos acompanhando!

Metacarpos e suas principais fraturas

Começamos dizendo que, uma das fraturas mais comuns é a do quinto metacarpo, sendo que, em geral, as regiões que podem ser afetadas são a diáfise, a metáfise, a cabeça, a metáfise proximal e fratura com luxação.

Entre os tipos de fraturas, os principais são:

Trauma direto

Geralmente, acontece quando a mão sofre uma forte pancada, de alta energia, provocada por uma porta ou objetos sólidos.

Trauma axial com abdução de polegar

Chamada também de fratura Bennet, o polegar sofre com uma abertura e uma lesão na base do primeiro metacarpo.

Trauma axial de mão fechada

Ocorre devido ao movimento de soco, que transfere um alto impacto para a mão.

Acidentes de trânsito e também quedas de um modo geral podem provocar fraturas de metacarpo.

Características mais específicas

Fratura do colo do metacarpo

Geralmente atinge o quarto e o quinto metacarpos, e pode ser desviada em função da fragmentação óssea. É possível uma recuperação e cicatrização sem a necessidade de cirurgia. Basta somente uma imobilização até atingir a consolidação.

Fratura de diáfise do metacarpo

Um tipo de fratura que pode acontecer de três maneiras: transversa, oblíquas e fragmentada. Neste caso, os tratamento são variados, de acordo com a característica da fratura, podendo ser desde de tratamento conservador até necessitar de cirurgia corretiva

Fratura da cabeça do metacarpo

Pode atingir qualquer dedo, mas o dedo indicador é o mais afetado. Causa perda do movimento harmônico da articulação entre a falange proximal e o metacarpo. O tratamento dependerá do tipo de fratura, sendo feito com muitas vezes com parafusos ou pinos, e de algumas semanas de imobilização para complementar.

Agora que você já sabe que existem vários tipos de fratura de metacarpo, fique atento (a), e caso perceba qualquer sintoma da doença, consulte o médico especialista em mãos.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − 7 =

dr fernando moya assinatura

Por Dr. Fernando Moya.

CRM 112046

Formado em medicina pela Universidade de São Paulo (USP), com residência em Ortopedia e Traumatologia, pelo instituto de Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da FMUSP. Especialização em cirurgia da mão e microcirurgia também pelo Hospital da FMUSP.

faixa-dr fernando moya-300x2

 

Fale Conosco

× Agendar Consulta.